---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Histórico

Publicado em 11/12/2014 às 13:00 - Atualizado em 11/12/2014 às 13:01

Pedras Grandes é um município de imigração italiana. Em 1877 chegam os primeiros imigrantes oriundos da Itália. A cidade prosperou com a extração do carvão.

Em meio a vales, rios e montanhas está localizado o berço da colonização italiana no sul de Santa Catarina. São tantas tradições que praticamente todos os cerca de 5.000 habitantes teriam uma bela história para contar de seus antepassados. Alguns deles – principalmente os mais antigos – ajudaram a preservar a saga deste povo iniciada há 130 anos quando chegaram as primeiras famílias de imigrantes italianos vindas do Vêneto, norte da Itália, a procura das terras demarcadas pelo Império.

A fundação da Colônia Azambuja é o marco inicial da colonização italiana no sul de Santa Catarina. Era o ano de 1877 quando os vênetos pisaram pela primeira vez no solo que iriam colonizar. Um ano mais tarde, houve a expansão da colonização para outros locais, mas Azambuja continuou a ser o maior e principal centro receptor e distribuidor de imigrantes italianos no sul de Santa Catarina até meados da última década do século XIX.

Localizada no vale do Rio Tubarão, Pedras Grandes já foi ponto de parada dos tropeiros que faziam a ligação comercial entre os campos deLages e Tubarão. Fundada em 28 de abril de 1877, a cidade viveu um período de extremo desenvolvimento depois da descoberta das minas de carvão em Lauro Müller e da construção da Estrada-de-Ferro Dona Thereza Christina, quando foi erguida no município uma estação ferroviária – depois transformada em Museu da Cultura Italiana.

A identidade cultural italiana nunca deixou de ser afirmada pelos moradores de Pedras Grandes, o que pode ser observado diariamente nas casas, nos encontros sociais, nas praças, igrejas e clubes. As festas típicas remetem ao passado e aos hábitos e costumes dos italianos, de dançar, cantar, comer, beber e conversar. A língua veneta ainda é falada ou compreendida pela maior parte da população. A festa do Vinho Goethe, celebrada anualmente na localidade de Azambuja, cultua o bom vinho e a gastronomia.